Informaçãoes de Tratamento Renew

RENEW_PORTFOLIO_DESKTOP_IMAGES_BRAZIL

Seu tratamento com Sculptra

Sculptra renova a pele, melhorando a aparência das rugas até 25 meses após o último tratamento.1 Antes de fazer seu primeiro tratamento com Sculptra, você sempre terá uma consulta de avaliação. Pense no que você deseja alcançar e em quais perguntas você pode fazer ao seu profissional de saúde. Recomendamos que você leia a seção de perguntas e respostas abaixo para saber mais sobre os tratamentos com Sculptra. 

Áreas de tratamento

Sculptra aumenta a espessura e a firmeza da pele e reduz a aparência de rugas.1

Face
Face
Pescoço
Colo
Pescoço
Colo
Braços
Braços
Mãos
Mãos
Abdômen
Abdômen
Coxas
Coxas
Glúteos
Glúteos

IMAGENS ILUSTRATIVAS

O que perguntar ao seu médico

Aqui estão algumas perguntas que recomendamos que você faça ao seu médico:  
•  Sculptra é o produto certo para mim? 
•  Como o Sculptra funciona? 
•  O que acontece durante o tratamento? 
•  Quantos tratamentos você acha que eu precisaria? 
•  Quando posso esperar ver resultados? 
•  Quanto tempo durarão os resultados? 
•  Quais são os possíveis efeitos colaterais com Sculptra? 
•  Existe algum ingrediente em Sculptra ao qual eu possa ser alérgico? 
•  Meu histórico médico ou tratamentos anteriores podem afetar ou impedir o tratamento? 
•  Há algo que eu deva fazer antes e após o tratamento? Qualquer outra pergunta que você possa ter. 
Você também encontrará informações detalhadas sobre o tratamento com Sculptra em nossa seção de Perguntas Mais Frequentes abaixo. 

Perguntas frequentes

Antes do seu primeiro tratamento você sempre fará uma consulta de avaliação. Pense no que você deseja alcançar e nas perguntas que deseja fazer ao seu profissional de saúde. Você será informado sobre como o Sculptra funciona e como ele pode ser usado de maneira segura para melhorar a firmeza da pele, estimulando a produção de colágeno do próprio corpo. O seu profissional de saúde também perguntará sobre seu histórico médico. Após a consulta, você deverá se sentir bem informado sobre o Sculptra e saber quais resultados esperar.

O seu profissional de saúde deve fornecer informações abrangentes sobre como Sculptra pode estimular a formação de colágeno de maneira natural e fornecer uma explicação detalhada sobre o seu tratamento. Isto é o que você deve esperar: 
•  Informações sobre as possibilidades e limitações do tratamento 
•  Informações sobre possíveis efeitos colaterais e precauções para tratamento 
•  Informações sobre o custo do tratamento e tratamentos de acompanhamento 
•  Que suas perguntas sejam respondidas para sua total satisfação

Sculptra é injetado para o tratamento da flacidez de pele da face e do corpo, atravéz do estímulo da produção de colágeno da pele. Administrado com a técnica de injeção apropriada por um profissional de saúde habilitado.

Em média, pode ser necessária uma série de três sessões de tratamento ao longo de alguns meses. O número de injeções em cada sessão varia, dependendo do grau de correção necessário e do plano de tratamento determinado por você e seu profissional de saúde.

Como em qualquer injeção, é possível sentir alguma dor no local do tratamento, mas seu profissional de saúde pode usar um anestésico tópico para aliviar qualquer desconforto. 

Sculptra é projetado para fornecer resultados visíveis que aparecem gradualmente com o aumento da produção de colágeno. Não fique desapontado se não vir resultados imediatos. Alguns dias após o tratamento, você pode parecer como antes do tratamento. Isso é normal e temporário. Em média são feitas três sessões de tratamento ao longo de alguns meses, mas isso pode varias de acordo com a nacessidade de cada paciente. Como os resultados acontecem gradualmente, você verá sutis, mas perceptíveis, resultados na melhora da qualidade, firmeza e sustentação da pele.

Referências

1 Narins RS et al. J Am Acad Dermatol 2010;62(3):448–62.; Brandt FS et al. Aesthet Surg J 2011;31(5):521–8.
2 Nelson L and Stewart KJ. J Plast Reconstr Aesthet Surg 2012;65(4):439–47.; Moyle GJ et al. HIV Med 2004;5(2):82–7.; Mest DR and Humble G. Dermatol Surg 2006;32(11): 1336–45.; Valantin MA et al. AIDS 2003;17(17):2471–7.; Narins RS et al. J Am Acad Dermatol 2010;62(3):448–62.; Brandt FS et al. Aesthet Surg J 2011;31(5):521–8.